Leituras

Werther em quadrinhos – Leia as orelhas

Werther em quadrinhos – Leia as orelhas
Werther em quadrinhos – Leia as orelhas

CONTRACAPA “Seria grave se todos não tivessem uma vez na vida uma época em que Werther parecesse escrito para si” (Goethe) ORELHAS “Tome cuidado com os sofrimentos do jovem que lhe apresento. Caminhamos lado a lado durante cerca de seis anos sem nos aproximarmos. Agora, emprestei à sua história meus sentimentos, e isso cria um

Mais +

Werther em quadrinhos – Entrevista com o quadrinista

Werther em quadrinhos – Entrevista com o quadrinista
Werther em quadrinhos – Entrevista com o quadrinista

Leia entrevista com Daniel Gisé, autor da quadrinização do romance clássico da literatura alemã, Os sofrimentos do jovem Werther. O que é um clássico para você? Para mim um clássico é um livro que lida com questões humanas universais e fundamentais que continuam as mesmas com o passar dos anos. Qual a sua relação com

Mais +
Ouça a Narração

Peirópolis Mundo Em cada livro desta coleção, além da riqueza das narrativas nascidas em terras distantes, o leitor vai encontrar o registro em áudio da narração da história pelo autor, em sua língua de origem. Ouça abaixo o autor Yaguarê Yamã lendo a história A origem do beija-flor / Guanãby muru-gãwa na língua maraguá!    

Mais +
Ouça as narrações

Peirópolis Mundo Em cada livro desta coleção, além da riqueza das narrativas nascidas em terras distantes, o leitor vai encontrar o registro em áudio da narração da história pelo autor, em sua língua de origem. Ouça abaixo o autor Yaguarê Yamã lendo a história A origem do beija-flor / Guanãby muru-gãwa na língua maraguá!    

Mais +
Fausto – apresentação

por Christine Röhrig Certo dia, Deus estava conversando com seus arcanjos no céu e estes elogiavam a obra divina, a Terra e seus habitantes, mas Mefistófeles, o anjo das trevas, era de outra opinião. Dizia que a Terra e os homens não valiam nada e garantia que, se Deus deixasse o destino de Fausto em

Mais +
Fausto em quadrinhos – leia as orelhas

Há registros de que um tal de Johann Georg Faust, ou Georg Faust, que viveu entre cerca de 1480 e  1541, tenha perambulado pela Alemanha apresentando-se como filósofo, curandeiro milagroso, alquimista, mago, astrólogo e vidente. Unindo a capacidade de curar e de prever o futuro, ganhou dinheiro e fama, mas também foi considerado um charlatão

Mais +
Refugiados urbanos – prefácio

Prefácio ao livro Refugiados urbanos por Rubens Adorno, professor Associado III, Departamento de Saúde Ambiental da Faculdade de Saúde Pública da USP. A rua, como espaço de sociabilidade, sobrevivência e trabalho, faz parte das práticas e do ideário das sociedades ocidentais há larga data, sendo antiga e tradicional em nossa sociedade e na história da

Mais +
A vida é um game?

A redatora publicitária e roteirista Adriana Calabró venceu o Concurso João de Barro de Belo Horizonte com seu texto que sai agora pela Peirópolis, com ilustrações do mineiro Angelo Abu. Confira a entrevista com a autora.

Mais +
Poemas de brinquedo, os desafios de uma publicação transmídia

Álvaro Andrade Garcia apresenta o projeto editorial transmídia Poemas de Brinquedo durante ELO’17, Conferência da Electronic Literature Organization, com mesas, palestras, instalações e festival dedicado à literatura em meios eletrônicos, que aconteceu a na Universidade Fernando Pessoa, na cidade do Porto, em Portugal, entre os últimos dias 18 e 22 de julho.

Mais +
As linguagens dos quadrinhos: que sendo tantas, todo plural é pouco…

Prefácio à edição brasileira, por Waldomiro Vergueiro e Paulo Ramos Obras sobre diferentes aspectos das histórias em quadrinhos – sua linguagem, inclusive – são resenhadas por Daniele Barbieri neste livro, em mais de um momento. Algumas delas, conforme afirma o pesquisador italiano, foram  relevantes para seus objetivos, porém chegaram até ele tardiamente. O intervalo entre

Mais +
Facebook
Instagram